Concurso Prefeitura Comercinho (MG) 2018 - Auxiliar, Agente ou Monitor Em andamento

Orgão: Prefeitura Comercinho
Nº vagas: 19
Taxa de inscrição: de R$ 47 a R$ 137
Cargos: Auxiliar, Agente, Monitor
Áreas de Atuação: Judiciária / Jurídica, Administrativa, Operacional
Escolaridade: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 954,00 Até R$ 2745,63
Organizadora: Gazzinelli Consultoria Técnica
Estados com Vagas: MG
Cidades: Comercinho - MG

0,00(0.0%)0 voto(s)

Publicado em 28/09/2018, às 14h34 - Atualizado em 31/07/2019, às 12h00



Cronograma

Abertura das inscrições10/09/2018
Encerramento das inscrições10/10/2018
Prova
Prova objetiva
11/11/2018

Notícias do concurso Prefeitura Comercinho (MG) 2018 - Auxiliar, Agente ou Monitor

Edital e Anexos

Abertura Edital Concurso Prefeitura Comercinho MG

Provas Prefeitura Comercinho

Nenhuma prova encontrada

Provas Gazzinelli Consultoria Técnica

Nenhuma prova encontrada

Sobre Prefeitura Comercinho

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.


Comentários

Mais Lidas