Concurso Prefeitura Ouro Fino (MG) 2020 Em andamento

Orgão: Prefeitura Ouro Fino
Nº vagas: 189
Taxa de inscrição: De R$ 50,00 Até R$ 140,00
Cargos: Médico, Técnico, Motorista
Áreas de Atuação: Administrativa, Saúde, Educação, Operacional
Escolaridade: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Técnico, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 1049,30 Até R$ 8057,66
Organizadora: IMAM Concursos
Estados com Vagas: MG
Cidades: Ouro Fino - MG

Publicado em 25/11/2019, às 11h40 - Atualizado em 07/03/2020, às 18h00


O concurso Prefeitura de Ouro Fino, em Minas Gerais, reúne 189 vagas e chances para cadastro reserva (CR) – parte das oportunidades é destinada ao Departamento Autônomo de Água e Esgoto (Dmaae). Os salários variam de R$ 1.049,30 a R$ 8.057,66.

Resumo dos editais

Distribuição das vagas

Quem possui nível fundamental incompleto pode escolher entre as funções de auxiliar de serviço escolar (5 postos), auxiliar de serviço público (6), motorista CNH "D" (19), oficial de serviço especializado (3), operador de máquinas (11) e servente de pedreiro (1).

Já candidatos que concluíram esse ciclo escolar estão aptos a disputar os cargos de auxiliar de serviço público de saúde (3), mecânico (1), monitor de esportes (CR), visitador sanitarista (1), auxiliar de serviços gerais (4), calceteiro (1), encanador (5), operador de ETA (2), operador de retroescavadeiras e máquinas pesadas (1) e pedreiro (1).

Há chances com exigência de ensino médio/técnico para agente de trânsito (2), auxiliar de consultório dentário (1), fiscal municipal (CR), fiscal sanitário (1), oficial de administração (4), fiscal técnico de obras (CR), monitor de creche (15), professor (27), técnico de enfermagem (9), técnico em laboratório (1), técnico em imobilização ortopédica (1), técnico de segurança do trabalho (1), topógrafo (1), agente comunitário de saúde (16), agente de combate a endemias (12), almoxarife (1), leiturista/vistoriador (3), auxiliar administrativo (2) e técnico em informática (1).

As carreiras de nível superior são para assistente social (2), bibliotecário documentalista (1), cirurgião dentista (CR), enfermeiro (6), engenheiro civil (CR), especialista educacional (1), farmacêutico (2), fisioterapeuta (2), fonoaudiólogo (1), médico (CR), médico do trabalho (1), médico ESF (4), nutricionista (2), professor de educação física (CR), professor de música (1), psicólogo (3) e psicopedagogo (CR).

Atribuições de alguns cargos

  • Auxiliar administrativo (Dmaae) - Realizar trabalhos de protocolo, digitação e digitalização de documentos e ofícios, organizar registros em geral, arquivar processos, documentos, fichas, periódicos, ofícios, ordens de serviço, planilhas, entre outrem; Atendimento ao público em geral, fisicamente, via telefone e via chat on-line; Receber e enviar ofícios, correspondências e quaisquer documentos que lhe forem solicitados; Ter domínio base acerca de sistemas de computadores, textos e planilhas eletrônicas, navegação na rede mundial de computadores, aplicativos, entre outrem; Organizar documentos e despachá-los conforme determinação de seus superiores; Fazer ligações para outros setores, inclusive agendando vistorias com consumidores, entre outrem; Manter o ambiente de trabalho organizado e com as informações atualizadas diariamente; Digitalizar toda documentação física produzida pelo setor e encaminhá-la ao arquivo rotativo diariamente; Executar serviços de apoio nas áreas de recursos humanos, administração em geral, finanças e logística; Tratar de documentos variados cumprindo todo o procedimento necessário referente aos mesmos; Executar serviços gerais típicos de escritório; Executar outras tarefas de mesma natureza e nível de complexidade associadas ai ambiente organizacional; Executar controle de ordens de serviço digital e física, requerendo feedback do setor de operações diariamente para atualização nos sistemas; Alimentar o sistema de “OS” digital e física de acordo com a demanda diária; Exercer controle de satisfação dos sistemas disponibilizados pelo DMAAE, reportando as ocorrências diariamente ao superior imediato; Encaminhar quaisquer reclamações ao setor de ouvidoria e relatar problemas ao referido setor, a tempo e modo; Encaminhar e-mails diversos recebidos pelo DMAAE aos setores competentes; Manter controle das “OS” transmitidas ao setor operacional, não permitindo que qualquer serviço fique parado no sistema por mais de 05 (cinco) dias corridos e, se houver, encaminhar o problema a Gerência Administrativa; Executar procedimentos de emergência afixados no atendimento; Fazer chamadas orais pelo microfone da sede, transmitindo os códigos numéricos e exercer controle do interfone; Controlar a sala de espera verificando a mesa de café, televisão, câmeras e garantir que tudo esteja em pleno funcionamento; Quando necessitar exercer a função de atendimento preliminar, operando o terminal de senhas digital e totem de serviços rápidos, encaminhando os usuários aos respectivos guichês de atendimento; Cobrir o guichê de atendimento especializado quando houver necessidade; Encaminhar as informações para o funcionário responsável pelo SNIS no prazo estipulado pela direção; Exercer quaisquer atividades correlatas ou determinadas pelo superior imediato.
  • Auxiliar de serviços gerais (Dmaae) - Transportar materiais de escritório e outros volumes, interna e externamente; Fazer pacotes e embrulhos; Atender a pequenos mandados internos e externos, pagando contas, comprando materiais, levando recados; Auxiliar na execução de atividades simples da administração, como conferir, protocolar e arquivar documentos, organizar fichas, selar e expedir correspondências, entre outras; Manter o local de trabalho limpo e arrumado; Conservar os equipamentos e materiais que utiliza; Exercer, sobre supervisão direta, os trabalhos simples, de manutenção, conservação, zeladoria, limpeza e copa; Fazer, distribuir café, sucos, lanches em horários pré-fixados; Recolhimento dos utensílios utilizados, promovendo sua limpeza e cuidando para evitar danos e perdas materiais; Repor nas dependências sanitárias do DMAAE o material necessário para sua utilização; Executar serviços de limpeza e conservação de instalações, móveis, veículos, equipamentos e utensílios em geral, nas diversas unidades do DMAAE; Executar outras tarefas correlatas, mediante determinação superior.
  • Almoxarife (Dmaae) - Verificar a posição do estoque, encaminhando periodicamente a quantidade de material e calculando as necessidades futuras para preparar pedidos de reposição; Controlar o recebimento do material comprado, confrontando as notas e pedidos e as especificações com o material entregue para assegurar a perfeita correspondência entre material e pedidos; Identificar o material determinando sua acomodação de forma adequada para garantir uma estocagem racional e ordenada; Zelar pela conservação do material estocado, providenciando condições necessárias para evitar deterioração e perda; Efetuar o registro dos materiais e das solicitações, lançando os dados em sistema informatizado para facilitar a elaboração de inventários e a conferencia para fechamento do estoque com os registros contábeis; Arrolar os materiais estocados ou em movimento, verificando periodicamente os registros e outros dados pertinentes para obter informações exatas sobre a situação real do almoxarifado; Participar de equipes de serviços em feriados, finais de semana e turnos noturnos, executando as atribuições do cargo; Dirigir veículos, quando necessário, para se locomover até o local de trabalho; Observar e cumprir as normas internas da Autarquia, bem como o estatuto que rege o servidor público; Zelar pela limpeza e manutenção de instrumentos e equipamento de uso diário, bem como manter o asseio do local de trabalho; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.
  • Agente de combate a endemias - Exercício de atividade de vigilância, prevenção e controle de doenças e promoção da saúde, desenvolvidas em conformidade com as diretrizes do SUS e sob supervisão do gestor local. Desenvolvimento de ações educativas e de mobilização da comunidade relativas à prevenção e ao controle de doenças e agravos à saúde; Realização de ações de prevenção e controle de doenças e agravos à saúde, em interação com o Agente Comunitário de Saúde e a equipe de atenção básica; Identificação de casos suspeitos de doenças e agravos à saúde e encaminhamento, quando indicado, para a unidade de saúde de referência, assim como comunicação do fato à autoridade sanitária responsável; Divulgação de informações para a comunidade sobre sinais, sintomas, riscos e agentes transmissores de doenças e sobre medidas de prevenção individuais e coletivas; Realização de ações de campo para pesquisa entomológica, malacológica e coleta de reservatórios de doenças; Cadastramento e atualização da base de imóveis para planejamento e definição de estratégias de prevenção e controle de doenças; Execução de ações de prevenção e controle de doenças, com a utilização de medidas de controle químico e biológico, manejo ambiental e outras ações de manejo integrado de vetores; Execução de ações de campo em projetos que visem a avaliar novas metodologias de intervenção para prevenção e controle de doenças; Registro das informações referentes às atividades executadas, de acordo com as normas do SUS; Identificação e cadastramento de situações que interfiram no curso das doenças ou que tenham importância epidemiológica relacionada principalmente aos fatores ambientais; Mobilização da comunidade para desenvolver medidas simples de manejo ambiental e outras formas de intervenção no ambiente para o controle de vetores; Observadas as necessárias qualificações, exercer as demais atividades prevista na Lei nº 11,350 de 05 de outubro de 2006.
  • Agente comunitário de saúde - Compreende o conjunto de atribuições destinadas ao exercício de atividades de prevenção de doenças e promoção da saúde, mediante ações domiciliares ou comunitárias, individuais ou coletivas, desenvolvidas em conformidade com as diretrizes do SUS e sob supervisão do gestor municipal de saúde; A utilização de instrumentos para diagnóstico demográfico e sociocultural; O detalhamento das visitas domiciliares, com coleta e registro de dados relativos a suas atribuições, para fim exclusivo de controle e planejamento das ações de saúde; Mobilização da comunidade e o estímulo à participação nas políticas públicas voltadas para as áreas de saúde e socioeducacional; Realização de visitas domiciliares regulares e periódicas para acolhimento e acompanhamento: a) da gestante, no pré-natal, no parto e no puerpério; b) da lactante, nos seis meses seguintes ao parto; c) da criança, verificando seu estado vacinal e a evolução de seu peso e de sua altura; d) do adolescente, identificando suas necessidades e motivando sua participação em ações de educação em saúde, em conformidade com o previsto na Lei nº 8.069, de 13 de julho de 1990 (Estatuto da Criança e do Adolescente); e) da pessoa idosa, desenvolvendo ações de promoção de saúde e de prevenção de quedas e acidentes domésticos e motivando sua participação em atividades físicas e coletivas; f) da pessoa em sofrimento psíquico; g) da pessoa com dependência química de álcool, de tabaco ou de outras drogas; h) da pessoa com sinais ou sintomas de alteração na cavidade bucal; i) dos grupos homossexuais e transexuais, desenvolvendo ações de educação para promover a saúde e prevenir doenças; j) da mulher e do homem, desenvolvendo ações de educação para promover a saúde e prevenir doenças; Realização de visitas domiciliares regulares e periódicas para identificação e acompanhamento: a) de situações de risco à família; b) de grupos de risco com maior vulnerabilidade social, por meio de ações de promoção da saúde, de prevenção de doenças e de educação em saúde; c) do estado vacinal da gestante, da pessoa idosa e da população de risco, conforme sua vulnerabilidade e em consonância com o previsto no calendário nacional de vacinação; O acompanhamento de condicionalidades de programas sociais, em parceria com os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS); Observadas as necessárias qualificações, exercer as demais atividades previstas na Lei nº 11.350 de 05 de outubro de 2006.
  • Agente de trânsito - Cumprir a legislação de trânsito, no âmbito da competência territorial da Divisão de Trânsito e Controle da Frota Municipal ou além dela, mediante convênio; Executar, mediante prévio planejamento da Unidade competente, operações de trânsito, objetivando a fiscalização do cumprimento das normas de trânsito; Lavrar auto de infração, mediante declaração com preciso relatório do fato e suas circunstâncias; Aplicar as medidas administrativas previstas em lei, em decorrência de infração em tese; Realizar a fiscalização ostensiva do trânsito com a execução de ações relacionadas à segurança dos usuários das vias urbanas; Interferir sobre o uso regular da via, com medidas de segurança, tais como controlar, desviar, limitar ou interromper o fluxo de veículos sempre em função de acidente automobilístico, se fizer necessário, ou quando o interesse público assim o determinar; Tratar com respeito e urbanidade os usuários das vias públicas, procedendo à abordagem com os cuidados e técnica devidos; Cooperar e manter o espírito de solidariedade com os companheiros de trabalho; Proceder, pública e particularmente, de forma que dignifique a função pública; Levar o conhecimento da autoridade superior procedimentos ou ordem que julgar irregulares na execução das atribuições do cargo; Zelar pela livre circulação de veículos e pedestres nas vias urbanas do município de Ouro Fino, representando ao chefe imediato sobre defeitos ou falta de sinalização, ou ainda imperfeições na via coloquem em risco os seus usuários; Exercer sobre as vias urbanas do Município de Ouro Fino os poderes de polícia administrativa de trânsito, cumprindo e fazendo cumprir o Código de Trânsito Brasileiro – CTB e demais normas pertinentes; Participar de campanhas educativas de trânsito; Executar outras atribuições afins.

Conteúdo programático

Confira abaixo as disciplinas para agente comunitário de saúde:

  • Língua portuguesa - Interpretação de texto (informativo, literário ou jornalístico). Ortografia: emprego das letras. Classes gramaticais: reconhecimento e flexão do substantivo, do adjetivo, do pronome e dos verbos regulares. Sintaxe: reconhecimento dos termos da oração; reconhecimento das orações num período. Concordância verbal; concordância nominal; colocação de pronomes; ocorrência da crase; regência verbal; regência nominal. Pontuação: emprego da vírgula; emprego do ponto final.
  • Sistema Único de Saúde (SUS) - Estrutura do Sistema Único de Saúde: Histórico, legislação fundamental e normas operacionais do sistema, princípios, estrutura administrativa e financeira, responsabilidades dos três níveis Federativos, perspectiva e desafios do sistema. O Modelo de assistência no SUS: Níveis de assistência (primário, secundário e terciário), escopo da assistência: promoção da saúde, prevenção, terapêutica e reabilitação, estrutura em rede regionalizada e hierarquizada, responsabilidade sanitária, humanização do cuidado, características e funções da atenção primária à saúde, estratégia de saúde da família, gestão da assistência e gestão da clínica, organização da rede de urgência e emergência, regulação da assistência, planejamento em saúde pública. Pacto pela Saúde, Política Nacional de Atenção Básica no SUS. Política Nacional de Educação Permanente em Saúde. Política Nacional de Humanização. Epidemiologia: Epidemiologia no planejamento da assistência: Indicadores de saúde (conceitos, cálculo e interpretação). Sistemas de informação do SUS e seu uso no planejamento. Epidemiologia das doenças transmissíveis (cadeia causal e mecanismos de prevenção para as principais patologias transmissíveis no país). – Fundamentos de epidemiologia clínica (principais tipos de estudo e interpretação dos resultados). Assistência suplementar. Regulação da assistência suplementar, tendências e perspectivas.
  • Informática - Sistema Operacional Microsoft Windows: configurações básicas do Sistema Operacional (painel de controle); organização e manipulação de pastas e arquivos; uso dos recursos da rede. Editor de textos Microsoft Word (2010/2016): criação, edição, formatação e impressão de documentos; utilização de janelas e menus; criação e manipulação de tabelas; inserção e formatação de gráficos, símbolos e figuras; geração de mala direta, envelopes e etiquetas; proteção de documentos; utilização das ferramentas. Planilha eletrônica. Microsoft Excel (2010/2016): manipulação de planilhas, modelos e pastas de trabalho; criação, importação, edição, formatação e impressão de planilhas; utilização de fórmulas; geração de gráficos; classificação e organização de dados. Microsoft Outlook (2010/2016): e-mail, calendário, contatos e tarefas. Internet: navegação, busca de documentos e conteúdo, segurança. Internet: conceitos básicos: (URL, links, sites, portais, segurança, navegação, conceito e padrões da tecnologia Web, Intranets e Extranets), utilização dos principais navegadores e correio eletrônico; utilização dos mecanismos de busca (Google, Yahoo, Bing, etc.).
  • Conhecimentos específicos - Processo saúde-doença e seus determinantes/condicionantes; Princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde e a Lei Orgânica da Saúde; Conhecimentos geográficos da área/região/município de atuação; Cadastramento familiar e territorial: finalidade e instrumentos; Interpretação demográfica; Conceito de territorialização, micro área e área de abrangência; Indicadores epidemiológicos; Técnicas de levantamento das condições de vida e de saúde/doenças da população; Critérios operacionais para definição de prioridades: indicadores socioeconômicos, culturais epidemiológicos; Conceitos e critérios de qualidade da atenção à saúde: acessibilidade, humanização do cuidado, satisfação do usuário e do trabalhador, equidade, outros. Promoção da saúde: conceitos e estratégias; Principais problemas de saúde da população e recursos existentes para o enfrentamento dos problemas; Intensidade dos problemas; Intersetoralidade: conceito e dinâmica político-administrativa do município; Informação, educação e comunicação: conceitos e interdependência; Formas de aprender e ensinar em educação popular; Cultura popular e sua relação com os processos educativos. Participação e mobilização social: conceitos, fatores facilitadores e/ou dificultadores da ação coletiva de base popular; Lideranças: conceitos, tipos e processos de constituição de líderes populares; Pessoas portadoras de necessidades especiais: abordagem, medidas facilitadoras de inclusão social e direitos legais: Saúde da criança, do adolescente, do adulto e do idoso; Estatuto da criança e do adolescente e do idoso; Noções de ética e cidadania. 

Curso grátis de língua portuguesa para o concurso Prefeitura de Ouro Fino

Acompanhamento

A equipe JC Concursos apresenta o resumo do concurso Prefeitura de Ouro Fino nesta página, com as principais informações do processo seletivo. O conteúdo programático e as atribuições na íntegra podem ser conferidos nos editais abaixo, disponíveis entre os anexos.


Cronograma

Abertura das inscrições05/02/2020
Encerramento das inscrições06/03/2020
Prova04/04/2020
Prova05/04/2020
Divulgação do Gabarito07/04/2020

Notícias do concurso Prefeitura Ouro Fino (MG) 2020

Edital e Anexos

Abertura (25/11/2019) Edital de abertura de inscrições (I)
Abertura (25/11/2019) Edital de abertura de inscrições (II)
Abertura (25/11/2019) Edital de abertura de inscrições (III)

Provas Prefeitura Ouro Fino

Nenhuma prova encontrada

Provas IMAM Concursos

Orgão, Cargos e OrganizadoraAnoAnexo
Prefeitura Auxiliar de Enfermagem
IMAM Concursos
2013 Prova / Gabarito
Prefeitura Terapeuta Ocupacional de Apoio a Saúde da Familia
IMAM Concursos
2013 Prova / Gabarito
Prefeitura Assistente Social de Saúde Mental
IMAM Concursos
2012 Prova / Gabarito
Prefeitura Assistente Social de Atenção Secundária
IMAM Concursos
2012 Prova / Gabarito
Prefeitura Pedagogo Tecnico
IMAM Concursos
2012 Prova / Gabarito

» Ver lista completa

Sobre Prefeitura Ouro Fino

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.


Comentários

Mais Lidas