Concurso Prefeitura São Francisco do Guaporé (RO) 2020 Em andamento

Orgão: Prefeitura São Francisco do Guaporé
Nº vagas: 69
Taxa de inscrição: De R$ 50,00 Até R$ 100,00
Cargos: Técnico, Motorista, Operador
Áreas de Atuação: Administrativa, Saúde, Educação, Operacional
Escolaridade: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Técnico, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 858,00 Até R$ 9623,00
Organizadora: MS Concursos
Estados com Vagas: RO
Cidades: São Francisco do Guaporé - RO

Publicado em 20/04/2017, às 09h52 - Atualizado em 16/04/2020, às 18h00


Os dois editais do concurso de São Francisco do Guaporé, no Estado de Rondônia (RO), somam 69 vagas para o quadro da prefeitura e do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos.

As inscrições serão recebidas até o dia 15 de abril de 2020, através do site da banca organizadora do processo de seleção, que é www.msconcursos.com.br. As taxas variam de R$ 50 a R$ 100.

Todos os inscritos no concurso de São Francisco do Guaporé serão avaliados por meio de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório.

Informações complementares

Distribuição das vagas

Para ensino fundamental, a chance é para a função de coveiro, que recebe o salário inicial de R$ 858,38.

Aqueles que têm o ensino médio e/ou curso técnico estão aptos às carreiras de motorista, mecânico, operador de máquina pesada, fiscal de obras e posturas, técnico em enfermagem, técnico em laboratório, técnico em agropecuária, técnico em finanças e técnico administrativo. Os vencimentos oscilam entre R$ 1.023 e R$ 1.338,75.

Nível superior é requisito para os cargos de assistente social, biomédico, enfermeiro, farmacêutico/bioquímico, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, médico clínico geral, psicólogo, engenheiro ambiental, orientador educacional, professor, supervisor educacional, auditor fiscal de tributos, contador, auditor de controle interno e operador de sistema. As remunerações variam de R$ 2.206,07 a R$ 9.623,25.

Atribuições de alguns cargos

Operador de sistema: Atender as finalidades estabelecidas na Lei n°12.527/2011 de acesso a informação “PORTAL DA TRANSPARÊNCIA e outras publicações institucionais que lhe for determinada “operar, alimentar, atualizar e assegurar total manutenção ao mecanismo de publicação e acesso a informação, garantindo ampla transparência dos serviços públicos, através da rede mundial de computação de mídia nos sítios da internet. Operar e gerir sistema, portais e aplicativos, determinando interface gráfica, critério ergonômicos de navegações e correlato a lei acima descrita, projetar, implantar e realizar manutenções das publicidades em conformidade com os princípios da administração pública com as seguintes diretrizes. Observância da publicidade como preceito geral e do sigilo como exceção. Divulgação de informações de interesse público independente de solicitações. Utilização de meios de comunicação viabilizados pela tecnologia da informação. Fomento ao desenvolvimento da cultura de transparência na administração pública. Desenvolvimento do controle social da administração pública, executar outras atividades na área de sua atuação.

Técnico administrativo: Redigir e digitar expedientes administrativos, tais como memorando, ofícios, informações, relatórios e outros. Secretariar reuniões e lavrar atas, elaborar e manter atualizados fichários e arquivos. Consultar e atualizar arquivos magnéticos de dados cadastrais, através de terminais eletrônicos. Operar máquinas, auxiliar na escrituração de livros contábeis. Elaborar documentos referentes a assentamentos funcionais. Proceder a classificação, separação e distribuição de expedientes. Obter informações e fornecê-las aos interessados. Auxiliar no trabalho de aperfeiçoamento e implantação de rotinas. Proceder a conferência dos serviços executados na área de sua competência bem como controle de material e veículos em oficinas e garagens, consumo de combustíveis e lubrificantes. Executar tarefas auxiliares de almoxarifados. Controlar o ponto da turma de trabalhadores, fazendo o boletim da produção diária. Registrar e controlar a aquisição e empréstimos de livros e publicações. Aplicar multas previstas. Encadernar livros e periódicos. Executar atividades auxiliares e relativas a fiscalização de tributos, obras em execução no Munícipio. Registrar dados em boletins de avaliação. Preparar históricos escolares, guias de transferências. Operar máquinas xerográficas e microcomputadores, bem como zelar pela sua manutenção. Executar outras atividades afins.

Conteúdo programático parcial

Para o cargo de ensino fundamental

  • Língua Portuguesa: Interpretação de texto. Vocabulário. Fonemas e Letras: classificação dos fonemas. Encontros vocálicos: ditongo, hiato, tritongo. Encontro consonantal e dígrafo. Divisão silábica. Sílaba tônica. Classificação das palavras quanto ao número de sílabas. Acentuação gráfica. Ortografia. Estrutura e formação das palavras. Classe de palavras: substantivo (tipos, gênero, número e grau); artigo, adjetivo (tipos, gênero, número e grau); numeral (flexão, leitura e escrita dos números); pronome (definição e classificação); verbos regulares e irregulares (noções de tempo presente, passado e futuro, definição, pessoa, número, tempos verbais, modos, formas, voz, conjugações); advérbio e locuções adverbiais; preposição e locuções prepositivas, combinações e contrações; conjunções (coordenativas e subordinativas, locuções conjuntivas); interjeição e locução interjetiva. Emprego do sinal indicativo de crase. Termos essenciais da oração: sujeito (tipos), predicado (tipos). Verbo de ligação: predicativo do sujeito e predicativo do objeto. Figuras de linguagem. Frase, oração, período. Sintaxe do período simples e composto. Concordância nominal e verbal. Pontuação. Uso dos porquês.
  • Matemática: Sistema de numeração romano. Números naturais: operações e propriedades. Números inteiros: operações e propriedades. Medidas de comprimento, superfície, volume, capacidade, massa e tempo. Sistema monetário brasileiro (dinheiro). Mínimo múltiplo comum e máximo divisor comum. Porcentagem. Juros simples. Áreas e perímetros de figuras planas. Resolução de situações-problema.

Acompanhamento

A equipe JC Concursos disponibiliza o resumo do concurso de São Francisco do Guaporé nesta página, com as principais informações do processo de seleção. Mais informações estão disponíveis abaixo, no edital anexado.


Cronograma

Abertura das inscrições13/03/2020
Encerramento das inscrições15/04/2020
Prova05/06/2020
Prova06/06/2020
Prova07/06/2020
Divulgação do Resultado30/07/2020

Notícias do concurso Prefeitura São Francisco do Guaporé (RO) 2020

Edital e Anexos

Abertura (20/04/2017) Concurso Prefeitura de São Francisco do Guaporé
Abertura (07/04/2020) Edital nº 01/2020 prefeitura
Abertura (07/04/2020) Edital nº 01/2020 Instituto de Previdência
Retificação (07/04/2020) data das provas

Provas Prefeitura São Francisco do Guaporé

Nenhuma prova encontrada

Provas MS Concursos

Orgão, Cargos e OrganizadoraAnoAnexo
_PREFEITURA MUNICIPAL Analista e Programador
MS Concursos
2016 Prova / Gabarito
_PREFEITURA MUNICIPAL Advogado
MS Concursos
2015 Prova / Gabarito
_PREFEITURA MUNICIPAL Advogado
MS Concursos
2015 Prova / Gabarito
_PREFEITURA MUNICIPAL Assistente Social
MS Concursos
2015 Prova / Gabarito
_PREFEITURA MUNICIPAL Assistente Social
MS Concursos
2015 Prova / Gabarito

» Ver lista completa

Sobre Prefeitura São Francisco do Guaporé

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.

Comentários

Mais Lidas