Nível superior

Câmara de Cabixi RO tem concurso com inscrições abertas

Oferta é de duas vagas e cadastro reserva para os cargos de contador, controlador interno e procurador jurídico

Patricia Lavezzo
Publicado em 05/10/2018, às 15h54

No Estado de Rondônia, a Câmara Municipal de Cabixi está com inscrições abertas de concurso público que visa o provimento de duas vagas imediatas e cadastro reserva de funções que requerem o nível superior. 

Ofertas estão distribuídas entre os cargos de contador (1 vaga), controlador interno (CR) e procurador jurídico (1). O salário inicial oferecido é de R$ 1.351,71 para jornada de trabalho de 40 horas semanais. 

Além do vencimento, a Câmara de Cabixi ainda oferece para os seus servidores os benefícios de auxílio-alimentação e gratificação especial.

O formulário de inscrição estará disponível no site www.msconcursos.com.br até as 17h do dia 17 de outubro. O valor da taxa de participação é de R$ 85 e o seu pagamento deverá ser efetuado até a data limite de 18 de outubro, observado o horário de funcionamento da rede bancária. 

Os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, e análise de títulos, unicamente classificatória. 

Marcada para o dia 18 de novembro, a prova objetiva será composta por 40 questões do tipo múltipla escolha, sendo 15 de língua portuguesa, cinco de informática básica, cinco de conhecimentos gerais e 15 de conhecimentos específicos. 

Atribuições dos cargos da Câmara de Cabixi RO

Contador - ter conhecimento na área de contabilidade Pública, organizando sistematicamente os serviços contábeis do Poder Legislativo Municipal. Realizar a escrituração dos atos e fatos administrativos, segundo o método legal, os princípios e convenções contábeis aceitos e as normas de contabilidade pública. Apurar resultados. Levantar demonstrações financeiras. Representar contratos irregulares às autoridades competentes. Manter em dia os serviços contábeis. Elaborar o orçamento da Câmara Municipal de Cabixi e fazer o seu acompanhamento em conjunto com a controladoria interna. Executar outras tarefas. 

Controlador interno - comprovar a legalidade e avaliar resultados da gestão orçamentária, financeira, operacional e patrimonial, quanto a sua eficiência eficácia. Acompanhar o cumprimento das metas previstas na Lei de Diretrizes Orçamentárias, no Plano Plurianual, a execução do orçamento e os programa de trabalho. Promover orientações às unidades administrativas com vista à racionalização da execução da despesa. Comprovar a legitimidade dos atos de gestão. Coordenar e executar o programa de auditoria interna, a fim de assessor as unidades administrativas na prática dos atos de gestão, encaminhando relatórios ao Tribunal de Contas, na forma da legislação pertinente. Desempenhar demais funções.

Procurador jurídico - representar e assistir o Poder Legislativo em juízo. Emitir pareceres sobre matéria jurídica, atender consultas sobre assuntos ligados ao interesse do Poder Legislativo e elaborar atos oficiais que sejam da sua alçada. Oferecer sugestões tendentes a solucionar problemas municipais. Assistir todos os órgãos do Poder Legislativo, orientando sobre a forma mais regular e legal de prática de atos e procedimentos jurídico-administrativos. Propor minutas de atos oficiais. Manter arquivo organizado e completo de todo o documentário alvo de interesse da Procuradoria Jurídica, em boa guarda e que permita a continuidade da sua análise e utilização. Manter o presidente e demais autoridades que compõem o Poder legislativo informados sobre o detalhamento e andamento dos trabalhos da Procuradoria Jurídica. Entre outras. 
 

Comentários

Mais Lidas