Para educação

Concurso Prefeitura de Belo Horizonte (MG) avança preparativos

Novo concurso Prefeitura de Belo Horizonte (MG) ofertará vagas para os cargos professor de educação básica e bibliotecário escolar

Camila Diodato
Publicado em 29/05/2019, às 16h11 - Atualizado em 27/06/2019, às 09h17

Concurso da Prefeitura de Belo Horizonte (MG) - professor apagando lousa
Getty Images

No ano passado, foi iniciado os preparativos para a realização do concurso Prefeitura de Belo Horizonte (MG), na área da educação. O processo licitatório, na molidade pregão eletrônico, que visava escolher a banca organizadora, acabou sendo suspenso, porém o órgão retornou com os preparativos da seleção.

Anteriormente, a previsão era de que fossem abertas 225 vagas e, deste total, 194 eram para professor de educação infantil, 12 para professor municipal de inglês e 19 para professor municipal de geografia. A primeira carreira exige curso de nível médio completo na modalidade normal, enquantos as demais graduação com licenciatura plena.

Segundo portaria publicada no diário oficial do município, agora instituiu a comissão organizadora do concurso Prefeitura de Belo Horizonte (MG). O documento não mostra o número de oportunidades, porém revela que o certame terá chances para professor de educação infantil e bibliotecário escolar.

O próximo passo para a realização do concurso será o início do processo para a escolha da banca organizadora. A expectativa é de que o edital seja publicado ainda em 2019.

Concurso Prefeitura de Belo Horizonte - comissão organizadora

O grupo é composto por Adriana Pedroso Martimiano, Ângela Maria R. Vilas Boas Leite, César Eduardo de Moura, Daniela Cristina de Melo e Silva, Ricardo José Miranda e Vânia Gomes Michel Machado. Todos representam a Secretaria Municipal de Educação (Smed).

A equipe também tem integrantes da Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão (SMPOG): Cinthia Soares Gonçalves, Débora dos Santos e Walmir Vicente das Chagas.

Última licitação

Constava no documento de licitação do concurso Prefeitura de Belo Horizonte que os profissionais receberiam salários de R$ 1.451,93 (educação infantil) e de R$ 2.252,42 (demais). A jornada de trabalho corresponde a 22h30min por semana.

O cronograma da seleção apontava que, logo após a assinatura do contrato com a banca, o edital precisava ser elaborado em até oito dias úteis; a seguir, o mesmo passaria por uma avaliação em, no máximo, dois dias úteis. Aprovado, o certame seria publicado em cinco úteis.

Etapas do concurso

Estava definido que os participantes teriam de passar por uma prova objetiva com 40 questões de múltipla escolha, sendo dez de conhecimentos político-pedagógicos e 30 de conhecimentos específicos.

Ainda haveria uma avaliação discursiva contendo duas questões relacionadas a temáticas específicas da área.

Estimativa de inscritos

O concurso da Prefeitura de Belo Horizonte previa cerca de 16.000 inscritos, com base no concurso anterior. A seleção teve 2.848 inscrições em geografia, 635 em inglês e 13.022 em educação infantil.

Prova anterior

Para auxiliar nos estudos, o JC Concursos liberou as provas anteriorespor cargo, além dos gabaritos para consulta das questões aplicadas. É importante avaliar se a organizadora será a mesma para o novo concurso da Prefeitura de Belo Horizonte, direcionando a preparação para o estilo da banca.

O JC Concursos fará o acompanhamento completo do novo concurso da Prefeitura de Belo Horizonte (MG), em contato com os responsáveis pelo avanço do concurso PC BA.

Sobre Prefeitura de Belo Horizonte

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.

Comentários

Mais Lidas