Santa Catarina

Prefeitura de Itá lança edital de concurso com 66 vagas

Chances em disputa no concurso da Prefeitura de Itá 2019 estão distribuídas entre funções destinadas a profissionais de todas as escolaridades. Salários alcançam R$ 3,2 mil

Samuel Peressin
Publicado em 24/01/2019, às 15h25

A Prefeitura de Itá, no Estado de Santa Catarina, divulgou edital de concurso público destinado a preencher 66 vagas imediatas em cargos de todas as escolaridades.  

Quem possui nível fundamental tem opções como agente de serviços gerais (5 postos e salário de R$ 1.327,25), zelador (16 - R$ 1.238,97), operador de retroescavadeira (2 - R$ 1.788,89), operador de trator esteira (2 - R$ 1.788,89), operador de pá carregadeira (1 - R$ 1.788,89), operador de motoniveladora (1 - R$ 1.788,89), motorista (5 - R$ 1.613,64) e mecânico (1 - R$ 3.423,03). 

Há ofertas com exigência de ensino médio/técnico para auxiliar administrativo (2 - R$ 1.613,64), agente administrativo (1 - R$ 2.047,63), técnico de enfermagem (2 - R$ 1.850), técnico em higiene bucal (1 - R$ 1.850), auxiliar de creche (10 - R$ 1.271,09) e auxiliar de classe (10 - R$ 1.271,09). 

Curso superior é requisito para farmacêutico (1 - R$ 2.330,49), psicólogo (1 - R$ 2.730,56), fiscal de tributos (1 - R$ 3.243,03) e professor nas áreas de língua portuguesa (1), história (1), língua inglesa (1) e educação física (1), com vencimentos de R$ 1.457,25.

Inscrições e etapas

Será possível se inscrever entre 28 de janeiro e 28 de fevereiro, mediante a realização de cadastro pelo site https://www.amauc.org.br/. As taxas custam R$ 50 (nível fundamental), R$ 100 (médio) e R$ 150 (superior). 

A seleção envolverá provas objetiva (todas as vagas), em 24 de março, prática (mecânico, operador de máquinas e motorista), em 14 de abril, e de títulos (professor), com envio dos documentos durante o prazo para registro de candidaturas. 

O concurso terá validade de um ano, a contar da homologação do resultado final. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da Prefeitura de Itá, conforme estabelece o edital.

Cronograma

Conteúdo programático parcial de nível fundamental

Língua portuguesa - Interpretação de texto. Ortografia. Principais normas gramaticais utilizadas. Coesão e coerência textual. Separação de silabas. Conhecimentos linguísticos: passado, presente e futuro.

Matemática e raciocínio lógico - Raciocínio lógico em regras de três, simples. Operações básicas – adição, subtração, multiplicação e divisão. Cálculos simples diversos. Cálculo de juros simples. Resolução de problemas. Cálculo de áreas e volumes. Problemas e operações que afiram o raciocínio lógico dos concorrentes.

Informática - Noções de funcionamento de computadores, impressoras, scanner. Conhecimentos em nível de usuário do Microsoft Word, Microsoft Excel, Microsoft Outlook e Microsoft Power Point. Noções de Internet, correio eletrônico e ferramentas de navegação.

Conhecimentos gerais e atualidades - Cultura geral. Fatos políticos, econômicos e sociais ocorridos nos últimos 03 (três) anos e divulgados na mídia local, regional e nacional. Meio ambiente. História de Itá.
 

Sobre Prefeitura Itá

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.

Comentários

Mais Lidas