Nível superior

São João do Pau D’Alho SP: concurso com inscrição aberta

Oferta no concurso da Prefeitura Municipal de São João do Pau D’Alho é de duas vagas para os cargos de professor de educação básica I e procurador jurídico

0,00(0.0%)0 voto(s)

Patricia Lavezzo
Publicado em 25/07/2018, às 15h55

Já estão abertas as inscrições do concurso público da Prefeitura Municipal de São João do Pau D’Alho, localizada no Estado de São Paulo. A seleção visa o provimento de duas vagas do seu quadro de pessoal. 

Uma oferta é destinada ao cargo de professor de educação básica I, que exige curso normal em nível superior ou licenciatura plena em pedagogia, com habilitação específica e habilitação em educação infantil e, quando atuar na educação especial, licenciatura de graduação plena com habilitação específica na área de atendimento. O salário inicial é de R$ 1.361,74.

A outra vaga é para o posto de procurador jurídico, que requer formação acadêmica de nível superior em direito, através de curso reconhecido pelo Ministério de Educação e Cultura (MEC) e registro na respectiva Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A remuneração é de R$ 2.242,65.

Interessados deverão se inscrever no endereço eletrônico www.consesp.com.br até o dia 5 de agosto. Os valores da taxa de participação são de R$ 50 para professor e R$ 80 para procurador. 

O concurso da Prefeitura de São João do Pau D’Alho será constituído das seguintes etapas: prova objetiva e questões discursivas para todos os cargos; e análise de títulos para professor. 

A prova objetiva será aplicada no município de São João do Pau D’Alho/SP no dia 2 de setembro. Ela contemplará questões de múltipla escolha sobre as disciplinas de língua portuguesa, conhecimentos educacionais e/ou conhecimentos específicos. 

Atribuições dos cargos da Prefeitura de São João do Pau D’Alho SP

Procurador jurídico - atender, no âmbito administrativo, aos processos e consultas que lhe forem submetidos pelo prefeito, secretários municipais e diretores de departamento; emitir pareceres e interpretações de textos legais; formular minutas; manter a legislação local atualizada; atender a consultas, no âmbito administrativo, sobre questões jurídicas, submetidas a exame pelo Prefeito e Secretários, emitindo parecer, quando for o caso; revisar, atualizar e consolidar toda a legislação municipal; observar as normas federais e estaduais que possam ter implicações na legislação local, à medida que forem sendo expedidas, e providenciar na adaptação desta; estudar e revisar minutas de termos de compromisso e de responsabilidade, contratos de concessão, locação, comodato, loteamento, convênio e outros atos que se fizerem necessários a sua legalização; estudar, redigir ou minutar desapropriações, dações em pagamento, hipotecas, compras e vendas, permutas, doações, transferências de domínio e outros títulos, bem como elaborar os respectivos anteprojetos de leis e decretos; entre outras.

Professor de educação básica I - ministrar aulas sobre os conteúdos curriculares que se referem ao ensino nos anos iniciais do ensino fundamental, transmitindo-os de forma integrada, de acordo com o planejamento estabelecido; debater em reuniões de planejamento, programas e métodos para serem adotados ou reformulados a fim de contribuir para a fixação dos objetivos, recursos necessários e metodologia de ensino; elaborar plano de aula, selecionando o assunto e estabelecendo a metodologia adequada para a obtenção de melhor rendimento de ensino; selecionar ou confeccionar o material didático a ser utilizado de acordo com o planejamento estabelecido; ministrar aulas, transmitindo aos alunos os conhecimentos elementares sobre os diversos conteúdos, partindo de experiências vivenciadas, visando desenvolver as habilidades fundamentais e suas potencialidades; organizar solenidades comemorativas de fatos marcantes da vida brasileira, promovendo concursos, debates, dramatizações ou jogos, para ativar o interesse dos alunos pelos acontecimentos histórico-sociais da comunidade e do país; entre outras. 

Comentários

Mais Lidas