400 vagas

Concurso TJ PR recebe recursos contra nota de prova

Ofertas do concurso TJ PR (Tribunal de Justiça do Paraná) são para outorga de delegações de notas e de registro, para ingresso por provimento ou remoção

0,00(0.0%)0 voto(s)

Patricia Lavezzo
Publicado em 01/07/2019, às 12h01 - Atualizado em 03/07/2019, às 13h15

Concurso TJ PR: símbolo do direito
Shutterstock

Nesta segunda-feira, dia 7 de julho, o concurso TJ PR (Tribunal de Justiça do Paraná) para outorga de delegações de notas e de registro começa a receber os recursos contra a nota provisória da prova escrita. Os candidatos devem interpor os recursos até as 17h30 do dia 3 de julho.

A interposição de recursos deve ser feita no endereço eletrônico do NC/UFPR (www.nc.ufpr.br), responsável pela organização e execução do processo de seleção. 

A prova escrita foi composta por três questões discursivas valendo cada uma um ponto, uma peça prática no valor de quatro pontos e uma dissertação no valor de três pontos, totalizando dez pontos.

Lembrando que a primeira etapa foi a prova objetiva, que foi composta por 100 questões de múltipla escolha, sendo 25 de sobre registros públicos, organização e divisão judiciárias do Estado do Paraná e normas regulamentares da Corregedoria-Geral da Justiça, dez de direito constitucional, dez de direito administrativo, dez de direito tributário, 15 de direito civil, cinco de direito processual civil, cinco de direito penal, cinco de direito processual penal, dez de direito empresarial e cinco de conhecimentos gerais.

O concurso TJ/PR ainda contará com as seguintes etapas: prova oral, eliminatória e classificatória; e exame de títulos, unicamente classificatória.  

Concurso TJ PR: mais informações para cartórios

O concurso TJ PR (Tribunal de Justiça do Paraná) para outorga de delegações de notas e de registro visa o preenchimento de 400 vagas, sendo 280 para ingresso por provimento e 120 por remoção (para quem já possui uma outorga de delegação e pretende ser transferido para outra). 

As vagas por provimento exigem nível superior em direito ou certidão do exercício, por 10 anos completos até a data da inscrição, de função em serviço notarial ou de registro, além de não possuir antecedentes criminais ou civis incompatíveis com a outorga da delegação, mediante a apresentação de certidão dos distribuidores civil e criminal (dez anos), da Justiça Federal e da Estadual, bem como de protestos de títulos (cinco anos), expedidas nos locais em que o candidato manteve domicílio nos últimos dez anos.

Enquanto que as ofertas por remoção requerem que o candidato esteja no exercício da titularidade de outra delegação, de notas ou de registro, no Estado de Paraná, há mais de dois anos.

As remunerações oferecidas, através do concurso TJ PR, aos cargos não são fixas, sendo calculadas com base nos lucros obtidos pelo cartório, descontadas às taxas devidas ao governo.

Prova anterior TJ PR

Para auxiliar nos estudos, o JC Concursos liberou as provas anteriores do TJ, além dos gabaritos para consulta das questões aplicadas. É importante avaliar se a organizadora será a mesma para o novo concurso TJ PR, direcionando a preparação para o estilo da banca.

Acompanhe aqui, mais detalhes sobre o concurso TJ PR (Tribunal de Justiça do Paraná), o anexo do edital, cronograma completo do processo de seleção com informações do período de inscrição e prova, atribuições e conteúdo programático para os diversos cargos disponíveis assim que o concurso avançar.

Comentários

Mais Lidas