Governador confirma novo concurso da PC AL

Cargos e vagas do novo concurso público da PC AL (Polícia Civil do Alagoas) ainda não foram divulgados, mas a expectativa é de que sejam pelo menos 300 postos, para carreiras de agente, escrivão e delegado

JC Concursos - Fernando Cezar Alves - Informe o Erro
Publicado: 05/02/2019 - 12:11 | Atualizado: 06/02/2019 - 09:44

O governador do Alagoas, Renan Filho, anunciou, em entrevista coletiva, na última segunda-feira, 4 de janeiro, que o edital do novo concurso público  que será realizado pela Polícia Civil do Alagoas (PC/AL) já está em fase adiantada de elaboração. Além disso, anunciou, ainda, que também serão oferecidas oportunidades para a área de perícia oficial. "Segurança pública se faz, sobretudo, com investimentos em inteligência, com mais presença nas ruas e com mudança de postura. Esse é o nosso trabalho. Fortalecer a Polícia Civil e a Perícia Oficial vai elevar  a  capacidade investigativa que, a meu ver, é fundamental no sentido de quebrar a roda do crime, que é alimentada sempre pela impunidade", disse.    

Em setembro, o governador reeleito Renan Filho chegou a anunciar que a publicação do edital ocorreria logo após as eleições. "Nós acabamos de convocar a reserva técnica da Polícia Civil e estamos estudando a possibilidade de fazer um novo concurso para repor quadros da instituição. Provavelmente não será até o mês de outubro, isso ficará para depois da eleição. Mas nós estamos desenvolvendo estudos para fazer concurso para a Polícia Civil”, disse. 

• CURSO AGENTE E ESCRIVÃO

A seleção é aguardada desde  abril de 2018, quando publicada, em diário oficial, a autorização oficial do certame. Porém, o documento ainda não determina a oferta de vagas, bem como quais cargos poderão ser contemplados na seleção, informações que ainda devem ser confirmadas.  

A expectativa é de que sejam oferecidas 300 oportunidades, quantitativo que já vinha sido solicitado pela PC/AL  desde 2016. Caso o total seja confirmado, as oportunidades poderão ser para as carreiras de agente, escrivão e delegado. A maior oferta pedida, na ocasião, era para agente, com 200 oportunidades, seguida de escrivão, com 80, e 20 de delegado.


Para concorrer aos cargos de agente e escrivão é necessário possuir formação de nível superior em qualquer área, enquanto para delegado, os interessados devem possuir formação em direito. No caso de agente, os interessados também devem possuir carteira de habilitação.


Concurso Anterior

O último concurso da PC/AL ocorreu em 2012, quando foram oferecidas 400 vagas, sendo 240 para agentes, 120 para escrivães e 40 para delegados. A organizadora foi o Cebraspe e a seleção contou com provas objetivas e discursivas, provas de aptidão física, avaliação prática de digitação para o cargo de escrivão, avaliação psicológica, análise de títulos para delegado, investigação social e de conduta pessoal e exames médicos. Além disso, os aprovados foram submetidos a uma segunda etapa, composta de curso de formação policial.

Vídeos Segurança Pública

Notícias Segurança Pública

Concursos Relacionados

Mais Lidas

Mais Recentes

Shopping