Aeronáutica

Casados e baixos serão aceitos como sargentos

A recomendação foi feita pelo Ministério Público Federal em Goiás.

0,00(0.0%)0 voto(s)

Redação
Publicado em 30/03/2010, às 15h17

A Aeronáutica vai aceitar inscrições de candidatos casados e de qualquer estatura no próximo exame de admissão aos Estágios de Adaptação à Graduação de Sargento (EAGS), que visa preencher 493 vagas para as turmas 1 e 2 de 2011.

A abertura para esses candidatos se deu após uma recomendação feita pelo Ministério Público Federal em Goiás (MPF/GO).

O último concurso (2009) para sargento da Aeronáutica enfrentou a mesma complicação. A Justiça Federal atendeu pedido do procurador da República e do procurador regional dos Direitos do Cidadão permitindo as inscrições de candidatos casados e com estatura inferior a 1,65m. Entretanto, este ano, a Aeronáutica manteve as exigências iniciais e foi obrigada a retificar o edital.

Concurso

As oportunidades estão distribuídas entre as seguintes especialidades: eletrônica, administração, enfermagem, eletricidade, sistemas de informação, laboratório, música (flauta, clarineta, saxofone, trompa, teclado e bateria), pavimentação, radiologia e topografia.

As remunerações podem variar de R$ 2.061 a R$ 2.910.

Para participar, os candidatos devem ter idade máxima de 24 anos, ensino médio completo e curso técnico na área desejada - exceto para música, que pede registro emitido pela Ordem dos Músicos do Brasil.

O período de inscrições ficará aberto até as 15h do dia 20 de abril. Os interessados poderão garantir participação nos sites do Comando da Aeronáutica (www.fab.mil.br) ou da EEAR (www.eear.aer.mil.br). A taxa é de R$ 50.

O processo seletivo será composto por exames de escolaridade e de conhecimentos especializados, inspeção de saúde, exame de aptidão psicológica, teste de avaliação de condicionamento físico e prova prática de especialidade.

As provas escritas serão aplicadas no dia 12 de junho, nas cidades de Belém (PA), Recife (PE), Fortaleza (CE), Salvador (BA), Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG), São Paulo (SP), Campo Grande (MS), Pirassununga (SP), São José dos Campos (SP), Canoas (RS), Curitiba (PR), Brasília (DF), Manaus (AM), Boa Vista (RR) e Porto Velho (RO).

EAGS

O estágio, ministrado pela Escola de Especialistas da Aeronáutica (EEAR), tem duração de 24 semanas e é realizado em Guaratinguetá (SP), em regime de internato, abrangendo instruções no campo militar técnico-especializado.

O aluno do EAGS fará jus à remuneração fixada em lei, além de alimentação, alojamento, fardamento, assistência médico-hospitalar e dentária.

O militar que concluir o estágio com aproveitamento será promovido à graduação de terceiro-sargento.

Leandro Cesaroni

Veja também:

Aeronáutica: inscrições a 160 vagas a partir de 29 de abril

DPU: Defensoria realiza concurso para 311 oportunidades

Comentários

Mais Lidas