Concurso Carris Porto-Alegrense (RS) 2020 Em andamento

Orgão: Carris Porto-Alegrense
Nº vagas: 241
Taxa de inscrição: De R$ 115,88 Até R$ 257,52
Cargos: Motorista, Auditor, Cobrador
Áreas de Atuação: Administrativa, Operacional
Escolaridade: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 1621,33 Até R$ 8732,17
Organizadora: Fundatec
Estados com Vagas: RS
Cidades: Porto Alegre - RS

Publicado em 06/03/2020, às 11h28 - Atualizado em 03/04/2020, às 10h40


O concurso Carris Porto-Alegrense, empresa pública de ônibus da capital gaúcha, preencherá 241 vagas distribuídas entre três cargos, além de formar cadastro reserva (CR).

Resumo do edital

Distribuição das vagas

Há oportunidades para motorista (120 postos), cobrador (120) e auditor (1 + CR). Os cargos exigem, respectivamente, níveis fundamental, médio e superior de ensino.

As carreiras de motorista e cobrador são para contratos temporários de um ano, prorrogáveis por mais um, enquanto a função de auditor é efetiva.

Atribuições dos cargos

  • Cobrador - 1. Operar o sistema de bilhetagem eletrônica; 2. Efetuar a cobrança das passagens, recebendo o numerário e devolvendo o troco, responsabilizando-se pelo zelo do numerário; 3. Controlar a movimentação de passageiros; 4. Anotar e controlar a apresentação da documentação de usuários; 5. Executar anotações na Guia; 6. Realizar controles necessários para o desenvolvimento de suas atividades; 7. Atender o cliente com educação, cordialidade e presteza 8. Auxiliar na entrega de materiais de divulgação e informação aos clientes; 9. Auxiliar o motorista na operação e acessibilidade dos passageiros, operando o elevador; 10. Auxiliar o motorista durante o ato de embarque e desembarque dos passageiros. 11. Conservar o veículo limpo; 12. Realizar outras tarefas correlatas, a critério de seu superior imediato.
  • Motorista - 1. Vistoriar o veículo, verificando documentação, existência de avarias, pneus, óleo, ar no reservatório, testando a parte elétrica, mecânica, freios e outros comandos de acionamento manual, incluindo os equipamentos de segurança obrigatórios, certificando-se das condições de funcionamento e segurança do transporte; 2. Verificar o itinerário da linha; 3. Conduzir o veículo em consonância com a regulamentação do Conselho Nacional de Trânsito, Empresa Pública de Transportes e Circulação (EPTC) e normas internas da Empresa; 4. Detectar falhas e zelar pela conservação do veículo; 5. Tratar o cliente com educação, cordialidade e urbanidade; 6. Cumprir os horários e tempo de viagem previstos e as etapas da viagem, conforme instrução de trabalho; 7. Parar nos pontos de embarque/desembarque de passageiros; 8. Auxiliar na acessibilidade dos passageiros no embarque e desembarque dos passageiros que utilizam o elevador e rampa; 9. Identificar clientes isentos do pagamento de tarifa e permitir a estes a utilização do serviço conforme procedimentos pertinentes; 10. Recolher o veículo à garagem da Empresa, deixando o check list preenchido na Recepção da Manutenção, informando sobre os defeitos encontrados, estacionando o veículo em local apropriado, viabilizando condições à nova jornada de trabalho no dia seguinte; 11. Realizar outras tarefas correlatas, a critério de seu superior imediato; 12. Realizar eventualmente, a critério de seu superior imediato, as tarefas de Cobrador.
  • Auditor - 1. Avaliar e melhorar a eficácia dos processos de gerenciamento de riscos, controle e governança, assegurando a correta aplicação das normas internas nas áreas administrativas e operacionais, bem como a aplicação das legislações vigentes, instruções normativas e outros dispositivos legais, apoiando a organização a alcançar seus objetivos, a partir da aplicação de uma abordagem sistemática e disciplinada com ações preventivas e corretivas, apontando pontos de melhoria. 2. Transformar constatações de auditoria em propostas de medidas práticas que devem ser apresentadas à gestão responsável, bem como acompanhar a implantação das medidas que forem acordadas. 3. Elaborar o plano anual de auditoria interna contemplando os principais procedimentos de auditoria com foco na matriz de riscos. O plano deverá prever todas as etapas dos processos de auditoria, incluindo planejamento, execução, relatório e discussão com as áreas envolvidas. Esse plano deverá ser aprovado pelo Comitê de Auditoria Estatutário e Conselho de Administração. 4. Realização de testes de auditoria de conformidades e controles internos, em todas as áreas da empresa, de acordo com o Plano Anual de Auditoria Interna, que deverão incluir, mas não ser limitados a: 4.1 Exame das operações contábeis, financeiras e fiscais realizadas pela Companhia, verificando documentos, a fim de comprovar a exatidão dos lançamentos e a observância da legislação vigente; 4.2 Revisão dos procedimentos e impactos da aplicação das regras da Câmera de Compensação Tarifária do Transporte Público de Porto Alegre, tanto no que tange as transferências de receita quanto ajustes anuais de custo; 4.3 Análise dos parâmetros adotados para cálculo da folha de pagamento, conferindo a aderência às normas legais aplicáveis às sociedades de economia mista e tipo de atividade da Carris; 4.4 Revisão dos registros de pregões e contratos firmados através dos processos licitatórios, sua conformidade com as leis aplicáveis e obrigações acessórias de disponibilização de informações no Portal da Transparência e Tribunal de Contas do Estado; 4.5 Verificação dos aditamentos de contrato por conta de acréscimo ou supressão, que impliquem no aumento ou redução do valor global dos contratos de serviço e fornecimento além dos pedidos de restabelecimento do reequilíbrio econômico-financeiro na forma prevista na lei e nos editais dos respectivos contratos. 4.6 Avaliar a eficiência, adequação e segurança dos processos nas diversas áreas funcionais. 5. Acompanhamento de todos inventários realizados na Companhia reportando qualquer risco identificado na realização dos processos que possa comprometer de forma relevante os resultados apurados; 6. Revisar as Demonstrações Financeiras no encerramento de cada exercício e emitir parecer sobre sua adequação às Normas Brasileiras de Contabilidade e legislação aplicável. 7. Participar de comissões de sindicância ou inquéritos administrativos, instaurados pela administração, para apuração de erros, dolo e fraudes. 8. Realizar auditorias de conformidade e de investigações de fraude. 9. Recepcionar e coordenar o fornecimento de informações aos auditores da prefeitura municipal e do tribunal de contas, possibilitando que todas as questões levantadas em auditorias sejam plenamente respondidas, evitando autuações dos órgãos fiscalizadores. 10. Elaboração de Relatório Anual de Auditoria Interna, contendo o sumário dos resultados dos trabalhos de auditoria, suas principais conclusões, recomendações e providências tomadas pela administração da entidade para apresentação ao Comitê de Auditoria Estatutário, Conselho de Administração e Conselho Fiscal. 11. Preparar relatórios solicitados para os gestores, Diretores e conselheiros.

Conteúdo programático

Confira abaixo as disciplinas para nível fundamental:

  • Língua portuguesa - 1. Interpretação de textos: 1.1 Leitura e compreensão de informações. 1.2 Identificação de ideias principais e secundárias. 1.3 Intenção comunicativa. 2. Vocabulário: 2.1 Sentido de palavras e expressões no texto. 2.2 Substituição de palavras e de expressões no texto. 2.3 Sinônimos e antônimos. 3. Aspectos linguísticos: 3.1 Grafia correta de palavras. 3.2 Separação silábica. 3.3 Localização da sílaba tônica. 3.4 Acentuação gráfica. 3.5 Relação entre letras e fonemas, identificação de dígrafos e encontros consonantais e diferenças entre sons de letras. 3.6 Família de palavras. 3.7 Flexão, classificação e emprego dos substantivos, artigos, adjetivos e pronomes. 3.8 Emprego de verbos regulares e irregulares e tempos verbais. 3.9 Emprego e classificação dos numerais. 3.10 Emprego de preposições, combinações e contrações. 3.11 Emprego e classificação dos advérbios. 3.12 Noções básicas de concordância nominal e verbal. 3.13 Regras gerais de regência nominal e verbal. 3.14 Sinais de pontuação: 3.14.1 Emprego do ponto final, ponto de exclamação e ponto de interrogação. 3.14.2 Usos da vírgula e do ponto-e-vírgula. 3.14.3 Emprego dos dois pontos. 3.14.4 Uso do travessão. 3.15 Processos de coordenação e subordinação. 3.16 Elementos de coesão no texto. 3.17 Sintaxe do período simples.
  • Matemática/raciocínio lógico - Sistema de numeração decimal. Números naturais: operações (adição, subtração, multiplicação e divisão), expressões numéricas, múltiplos e divisores: critérios de divisibilidade, números primos, decomposição em fatores primos, mínimo múltiplo comum e máximo divisor comum. Números fracionários: representação e leitura, equivalência, simplificação, comparação, operações (adição, subtração, multiplicação e divisão). Números decimais: representação e leitura, transformações (escrita de fração e número decimal), comparação, operações (adição, subtração, multiplicação e divisão). Sistema monetário brasileiro. Sistema de medidas: comprimento, superfície, massa, volume, capacidade e tempo. Porcentagem. Aplicação dos conteúdos acima listados em resolução de problemas. Proposições simples; Proposições compostas; Conectivos (conjunção, disjunção, disjunção exclusiva, condicional e bicondicional); Valor lógico de proposições e construção de tabelasverdade; Álgebra proposicional; Equivalências lógicas; Negações dos conectivos (conjunção, disjunção, disjunção exclusiva, condicional e bicondicional); Tautologia, contradição e contingência; Diagramas lógicos; Lógica de argumentação. Estrutura lógica de relações arbitrárias entre pessoas, lugares, objetos ou eventos fictícios; deduzir novas informações das relações fornecidas e avaliar as condições usadas para estabelecer a estrutura daquelas relações.
  • Conhecimentos específicos - 1) Código de Trânsito Brasileiro, seus anexos e Resolução nº 160 do CONTRAN. 2) DIREÇÃO DEFENSIVA. Definição. Elementos da Direção Defensiva. Condições Adversas. Acidentes: tipos; como evitar. Drogas e Medicamentos. 3) NOÇÕES DE PRIMEIROS SOCORROS. Avaliação Primária. Manutenção dos Sinais Vitais. Avaliação Secundária. Procedimentos Emergenciais. Movimentação e Transporte de Emergência. 4) Conhecimentos de mecânica. Referências Bibliográficas: - BRASIL. Lei nº 9.503, de 23 de setembro de 1997 e alterações. Institui o Código de Trânsito Brasileiro. - CONTRAN. Resolução nº 160, de 22 de abril de 2004. Aprova o Anexo II do Código de Trânsito Brasileiro. - ABRAMET. Cartilha de Noções de Primeiros Socorros no Trânsito. Disponível em http://www.abramet.com.br/files/cartillha_primeiros_socorros.pdf - DENATRAN. Cartilha de Direção Defensiva: trânsito seguro é um direito de todos. http://www.viasseguras. com/documentacao/arquivos/denatran_manual_de_direcao_defensiva_maio_2005 - Outras publicações que tratem dos conteúdos listados.

Curso grátis de língua portuguesa

Acompanhamento

A equipe JC Concursos apresenta o resumo do concurso Carris Porto-Alegrense nesta página, com as principais informações do processo seletivo. O conteúdo programático na íntegra pode ser conferido nos editais abaixo, disponíveis entre os anexos.


Cronograma

Abertura das inscrições04/03/2020
Encerramento das inscrições16/03/2020

Notícias do concurso Carris Porto-Alegrense (RS) 2020

Edital e Anexos

Abertura (06/03/2020) Edital de abertura de inscrições (auditor)
Abertura (06/03/2020) Edital de abertura de inscrições (motorista e cobrador)

Provas Carris Porto-Alegrense

Nenhuma prova encontrada

Provas Fundatec - Fundação Universidade Empresa de Tecnologia e Ciências

Orgão, Cargos e OrganizadoraAnoAnexo
Câmara Municipal Analista em Comunicacao III Reporter
Fundatec
2016 Prova / Gabarito
Câmara Municipal Analista Legislativo
Fundatec
2016 Prova / Gabarito
Câmara Municipal Analista em Comunicacao II Producao de Publicidade e Propaganda
Fundatec
2016 Prova / Gabarito
_PREFEITURA MUNICIPAL Advogado
Fundatec
2015 Prova / Gabarito
_PREFEITURA MUNICIPAL Administrador
Fundatec
2015 Prova / Gabarito

» Ver lista completa


Comentários

Mais Lidas