Tudo Sobre

Concurso ANATEL

Cespe será a organizadora do concurso para 46 vagas

Oportunidades serão para candidatos com escolaridade de níveis médio e superior, com salários de R$ 4,7 mil a R$ 9,2 mil



Redação
Publicado em 02/03/2012, às 10h42

A edição desta sexta, 02, do Diário Oficial trouxe o extrato de dispensa de licitação por meio do qual a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) contrata oCespe/UnB como organizadora de seu próximo concurso público para 46 oportunidades de técnico e analista administrativos.

O departamento de recursos humanos da agência deverá definir em breve quais serão as áreas de atuação para técnico e analista. Porém, já é possível afirmar que os próximos analistas administrativos executarão atividades relacionadas à área de arquivologia. Os candidatos podem iniciar sua preparação a partir do conteúdo do edital anterior, confirmou o órgão. “Com especial atenção ao conteúdo específico para arquivologia para o cargo de analista administrativo”, destacou o departamento em nota ao JC&E. E após o fim do concurso de remoção interno, o órgão estará apto para indicar os Estados nos quais haverá oferta de postos.

Para concorrer ao cargo de técnico administrativo é necessária escolaridade de nível médio completo, enquanto para analista administrativo é exigido nível superior. O salário inicial, segundo a tabela de remuneração dos trabalhadores federais do MPOG, é de R$ 4.760,18 para técnico e de R$ 9.263,20 para analista.

A Anatel ainda oferece benefícios como auxílio-alimentação e auxílio-natalidade, além de horário flexível de sete horas corridas.

Para Karina Jaques, professora de direito constitucional da Academia do Concurso, o último concurso da Anatel, promovido pelo Cespe/UnB, foi bastante disputado pelos atrativos oferecidos pela agência: “uma remuneração confortável para nível médio, um cargo efetivo em uma agência reguladora federal e, principalmente, pelo conteúdo cobrado”, enumerou. Para os interessados na carreira de técnico administrativo, Karina recomenda que o estudo das disciplinas de língua portuguesa, informática, noções de direito constitucional, direito administrativo e ética, que constavam do conteúdo programático anterior e devem voltar a ser cobradas nesta nova seleção. “Mesmo para aqueles que estão se preparando para outros concursos federais, como Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) etc., tentar uma vaga na Anatel seria interessante porque o candidato não estaria se desviando das questões do seu concurso. Conquistar logo uma vaga no serviço público federal e garantir uma remuneração estável é sempre uma ótima opção”, analisou Karina.

De acordo com a assessoria de imprensa da agência, a Anatel tem hoje um déficit de 20% de seu quadro de pessoal, mas não há expectativa de uma nova autorização para concurso ainda este ano. Vale destacar que as vagas ofertas neste próximo edital visam a substituição de trabalhadores terceirizados.  

Aline Viana

Veja também:

Chesf/ Em março, hidro elétrica abrirá vagas de até R$ 5,5 mil

Polícia Federal/ Prazo máximo entre editais e provas será de 45 dias

+ Resumo do Concurso ANATEL

ANATEL
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão

+ Agenda do Concurso

02/03/2013 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas