Interior de SP

Laranjal Paulista amplia prazo de concurso com 25 vagas

O edital oferece cargos de todos os níveis escolares, com remunerações iniciais que chegam a R$ 2,6 mil

Patricia Lavezzo
Publicado em 23/08/2018, às 10h46

Foram prorrogadas até o dia 10 de setembro as inscrições do concurso público da Prefeitura Municipal de Laranjal Paulista, situada no Estado de São Paulo. Sob organização da Metrocapital, a seleção preencherá 25 vagas.

Para ensino fundamental completo, as chances são para as funções de motorista categoria “D” (1 vaga) e motorista de serviços especiais categoria “D” (1), cujos respectivos salários iniciais são de R$ 1.208,52 e R$ 2.513,58.

O cargo de operador de máquina (1) requer ensino médio completo e carteira de habilitação na categoria “D”. O vencimento é de R$ 1.505,16. 

Já para os empregos de técnico em contabilidade (1), técnico de laboratório (1) e técnico em segurança do trabalho (1), a exigência é de curso técnico específico e os respectivos ganhos são de R$ 2.344,98, R$ 1.596,07 e R$ 2.258,12.

Aqueles que têm o nível superior estão aptos às carreiras de coordenador assistente de gestão escolar (10), professor de educação básica I 1º ao 5º ano (3), professor de educação básica II nas disciplinas de educação física (1) e matemática (1), médico (1), médico do trabalho (1), médico plantonista (1) e terapeuta ocupacional (1). As remunerações variam de R$ 2.049,79 a R$ 2.627,52.

Como benefícios, o órgão ainda oferece vale-alimentação no valor de R$ 250 e vale-transporte.

Inscrições do concurso da Prefeitura de Laranjal Paulista SP

Para participar basta preencher a ficha cadastral no endereço eletrônico www.metrocapital.com.br e efetuar o pagamento da taxa de participação, nos valores de R$ 39 para ensino fundamental, R$ 54 para nível médio e R$ 65 para formação superior. 

Os candidatos poderão se inscrever para mais de um cargo, desde que a prova objetiva seja aplicada em períodos distintos, especificados a seguir: período I para médicos, motorista, operador de máquina, professores de educação básica II (educação física e matemática), professor de educação básica I e técnico em segurança do trabalho; e período II para coordenador assistente de gestão escolar, motorista de serviços especiais, técnico de laboratório, técnico em contabilidade e terapeuta ocupacional.

Provas do concurso da Prefeitura de Laranjal Paulista SP

Todos os participantes serão submetidos à prova objetiva, composta por questões de múltipla escolha sobre as matérias de língua portuguesa, matemática e raciocínio lógico, atualidades, noções de informática, legislação educacional, conhecimentos pedagógicos e/ou conhecimentos específicos. Ela será aplicada na data prevista de 21 de outubro. 

Oconcurso da Prefeitura de Laranjal Paulista ainda será constituído das seguintes etapas: prova prática para os cargos de motoristas e operador de máquina; e análise de títulos para professores e coordenador assistente de gestão escolar.

Sobre Prefeitura Laranjal Paulista

O Brasil conta, hoje, com 5.570 prefeituras espalhadas por municípios dos 26 Estados do país, além do Distrito Federal. Os municípios são uma circunscrição territorial dotada de personalidade jurídica e com certa autonomia administrativa, sendo as menores unidades autônomas da Federação. Uma prefeitura é a sede do poder executivo do município (semelhante à câmara municipal, em Portugal). Esta é comandada por um prefeito (nas cidades brasileiras e por um presidente de câmara nos municípios portugueses) e dividida em secretarias de governo, como educação, saúde ou meio ambiente. O termo prefeitura também pode designar o prédio onde está instalada a sede do governo municipal, também chamado de paço municipal onde geralmente se localiza o gabinete do prefeito. A instituição da prefeitura de seu encarregado maior, o "prefeito", é algo relativamente novo na história do Brasil. O poder hoje exercido pela prefeitura foi anteriormente exercido pela câmara municipal, pelo conselho de intendência e pela intendência municipal. As prefeituras são órgãos independentes, que não precisam de autorização por parte das administrações federal ou estaduais para realizarem seus concursos públicos, seja para preenchimento na própria sede ou em secretarias vinculadas à ela.

Comentários

Mais Lidas