Técnico e analista

Concurso IBGE: 1.800 vagas para técnico e analista dependem de autorização

Expectativa é de que próximo concurso IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) tenha 1.800 vagas nos níveis médio e superior. Salários de até R$ 8,2 mil

Camila Diodato
Publicado em 24/05/2019, às 14h45 - Atualizado em 01/07/2019, às 14h50

Concurso IBGE: prédio do órgão, no Rio de Janeiro, ondem técnicos e analista exercem suas funções
Licia Rubinstein/Agência IBGE Notícias

O Censo Demográfico 2020 já foi iniciado e conta com a autorização para mais de 230 mil vagas temporárias. Mas agora cresce a expectativa para que o concurso IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), para efetivos aos cargos de técnico e analista, seja liberado em breve.

Em 22 de fevereiro, a nova presidente do instituto, Susana Cordeiro Guerra, chegou a declarar a necessidade de reforçar o quadro de pessoal. No discurso de posse, ela comentou que pretende contratar servidores para o órgão, por meio de realização de novo concurso público. 

Ainda segundo Guerra, o órgão perdeu 30% de seus quadros nos últimos anos. Para piorar a situação, existe o risco de perder mais 30% em decorrência de pedidos de aposentadorias em decorrência da Reforma da Previdência.

O instituto já havia antecipado a intenção de encaminhar novo pedido para o preenchimento  e 1.800 vagas para técnico e analista. 

No final de 2018, o Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG) arquivou o pedido do concurso IBGE para técnico e analista e encaminhou um ofício mostrando os motivos para a negativa da autorização. 

Em comunicado recente, a categoria divulgou que "Como órgão fundamental para o fortalecimento da democracia, o IBGE pode ser um dos órgãos mais atacados por governos autoritários.

Das ofertas requeridas ao Planejamento, 1.200 são para técnico em informações geográficas e estatísticas e outras 600 para a carreira de analista de planejamento, gestão e infraestrutura em informações geográficas e estatísticas.

Concurso IBGE 2019: sobre as carreiras

A função de técnico destina-se aos candidatos com certificado de ensino médio emitido por instituição reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). O salário vigente corresponde a R$ 3.890,87 contando com o vale-alimentação.

Já o posto de analista exige formação superior completa, sendo que diversos cursos são aceitos. Consta na tabela de remuneração dos servidores federais que o vencimento atual é de R$ 8.213,07.

Último concurso IBGE para técnico e analista

No final de 2015, o órgão lançou dois editais para o concurso IBGE que, juntos, apresentaram um total de 600 oportunidades. A banca organizadora do certame, na ocasião, foi a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Um edital ofereceu 460 chances para a carreira de técnico distribuídas entre diversos Estados. A validade dele encerra no dia 30 de maio de 2018, já contando com a prorrogação.

O outro teve 90 chances para analista e 50 para tecnologista, também com lotação em vários Estados. O prazo dele vai terminar em 14 de junho de 2016, com o acréscimo da prorrogação.

Prova anterior IBGE 2019

Para auxiliar nos estudos, o JC Concursos liberou as provas anteriores do IBGE, além dos gabaritos para consulta das questões aplicadas. Avalie se a organizadora será a mesma para o novo concurso IBGE.

Acompanhe mais detalhes sobre o concurso IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) para técnico e analista, o anexo do edital, cronograma completo do processo de seleção com informações do período de inscrição e prova, atribuições e conteúdo programático para os diversos cargos disponíveis assim que o certame avançar.

Sobre IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) se constitui no principal provedor de dados e informações do país, que atendem às necessidades dos mais diversos segmentos da sociedade civil, bem como dos órgãos das esferas governamentais federal, estadual e municipal.A instituição oferece uma visão completa e atual do país, por meio do desempenho de suas principais funções: produção e análise de informações estatísticas; coordenação e consolidação das informações estatísticas; produção e análise de informações geográficas; coordenação e consolidação das informações geográficas; estruturação e implantação de um sistema da informações ambientais; documentação e disseminação de informações; e coordenação dos sistemas estatístico e cartográfico nacionais

Comentários

Mais Lidas